Páscoa, a Revelação do Amor

Todos os anos milhares de pessoas comemoram a Páscoa sem ao menos conhecer realmente seu real significado. Pensam que é apenas mais uma comemoração onde podem trocar ovos de chocolate vindos de um tal coelhinho da páscoa.
Outros, mais radicais, levam para religiosidade onde alimentos específicos são comercializados como se fossem os únicos permitidos nesse período. Mas, qual é o real sentido da páscoa? O que realmente se comemora?
A páscoa é a realização do projeto de Deus em salvar a humanidade do salário do pecado. Ela é o maior investimento de toda história para pagar o preço pela vida daqueles que Adonai criou.
O Apóstolo João diz que “Deus amou o mundo inteiro de tal maneira que deu seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.” (João 3: 16). Ninguém mas do que o Criador investiu na sua vida.
O real sentido da páscoa não é o ovo de pascoal, não é a doçura do chocolate, não são as lindas imagens de coelhos inocentes espalhadas pelas lojas que tem como único objetivo faturar. O verdadeiro sentido foi revelado há dois milênios atrás, quando o Messias aceitou espontaneamente sua missão de morrer para salvar a humanidade.
Esqueça os ovos, os chocolates, os brindes e brincadeiras, a Páscoa é na verdade a revelação, é a manifestação física, do amor do Pai pela humanidade, foi o momento onde Ele foi capaz de entregar aquilo que tinha de mais precioso para que o homem pudesse ser livre do salário do pecado.
Para desfrutar desse amor basta aceitar Jesus, o Filho de Deus, que se entregou na cruz do calvário por amor a você, como único e suficiente salvador de sua vida.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

APONTAR O DEDO É FÁCIL, DIFÍCIL É ESTENDER A MÃO

Troca de Valores

A Quebra de Princípios Gera Condenação