Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2014

O PAPEL TRANSFORMADOR DA IGREJA

Imagem
A igreja sempre desempenhou um papel transformador. Desde o início, sua proposta tem sido ousada, mexendo com as estruturas e os padrões da sociedade, implantando as leis e os pensamentos do Reino de Deus, através do exemplo de vida deixado por Jesus. Nesse novo século, um dos maiores desafios da igreja é permanecer fiel a sua proposta, visto que estamos vivendo uma época de escuridão moral, onde a impiedade, a dessacralização e a imoralidade controlam a maior parte da sociedade. Infelizmente, existe uma propaganda maciça nos meios de comunicação para destruir todos os conceitos defendidos e estabelecidos pelo evangelho. Sutilmente, há uma guerra contra a família; com a religiosidade; a santidade e a pureza. Entretanto, cabe a igreja a responsabilidade de permanecer fiel aos seus princípios, sem deixar-se contaminar pelas sugestivas propostas do inimigo, que aos poucos vem arregimentando, inclusive, alguns da nossa comunidade. Não podemos nos esquecer que a igreja sempre foi um agente de …

A GRAÇA MOTIVADORA

Imagem
O que motiva alguém a permanecer na igreja não é o seu ministério, não são suas habilidades, nem os seus dons. O grande motivador é a graça. Aqueles que perdem a graça, consequentemente, também perdem a alegria em estar na casa de Deus, de trabalhar na sua obra e de comungar com os irmãos. Quando se perde a graça, não há mais o desejo pelas coisas do Reino. A mentalidade passa a ser a de alguém guiado pelos desejos naturais. Sem ela, perde-se o prazer do sagrado. A oração, a leitura da Palavra, o jejum e a busca tornan-se desprazerosos, perdem o sentido. Por isso, quando uma pessoa já perdeu a graça, passa a procurar satisfazer as necessidades da alma, voltando a procurar realização nos prazeres do mundo. Como não existe mais o desejo pelas coisas do Reino, a prioridade é transferida para as vontades da carne. Em seguida, as coisas se tornam tão normais, que já não há mais o constrangimento com o pecado, bem como a necessidade de buscar as coisas de Deus. É nesse momento que as antigas pr…

A BANALIZAÇÃO DA GRAÇA

Imagem
Que a graça é um favor imerecido você já sabe. Estamos a acostumados a ouvir isso constantemente. Existem centenas de livros e artigos explicando essa ação magnífica do Salvador. Todavia, mesmo diante de tantos conceitos, alguns deles de autores renomados, a graça permanece um tema intrigante e cada vez mais atual. Entretanto, baseados no conceito de favor imerecido vem surgindo, gradativamente, um fenômeno que poderíamos chamar de "banalização da Graça". Algumas pessoas, diga-se de passagem, mal intencionadas, vem tentando justificar os seus erros apoiadas no argumento inconsequente de que estamos vivendo na dispensação da GRAÇA. Isso, sem contar, as barganhas realizadas em nome dela. Porém, a Graça não justifica as escolhas deliberadas do pecado. Ela abre a porta para o perdão, mas para recebê-lo é preciso arrependimento. Ela traz reconciliação com o Pai, mas para desfrutá-la é necessário renúncia. Na graça temos a promessa da vida eterna, mas para conquistá-la é preciso fi…