Perigos da Curiosidade!


Aquele parecia apenas um dia comum, todos saindo para trabalhar, outras pessoas passando na rua com olhares distantes. Um senhor sentado em um banco da praça lia seu jornal com atenção, querendo encontrar alguma notícia importante.
Mas, em certa parte do caminho encontra-se uma placa onde está escrito: “cuidado perigo”. Aquele rapaz lê atentamente a instrução e fica ainda mais curioso para saber por que era tão perigoso olhar por aquele buraco.
Ele fica inquieto, volta atrás, pensa no que vai fazer. Ameaça ir embora, até que é vencido pela curiosidade. Enfia a cabeça no pequeno buraco que se encontrada logo abaixo do alerta para não olhar.
Assim que envia a cabeça ouve risos desconcertantes, e em questão de segundos está com seu rosto completamente embebido em uma solução líquida, isso até ser atingido novamente por um material pastoso, que começa a escorrer de seu rosto. Ouve mais risos, enquanto tira vagarosamente sua cabeça do orifício, percebendo que se tornou em um instrumento de piada para todos a sua volta.
Embora pareça uma história tirada de revistas e livros infantis, esse acontecimento é mais frequente do que imaginamos. Todos os dias, dezenas de pessoas fazem a alegria do público caindo nessas brincadeiras passadas em programas de auditório. Sempre motivados pela curiosidade, a grande maioria assisti a tudo apaticamente, sem se importar com a moral, autoestima ou saúde dos demais. 
O ser humano é curioso por natureza, ele está sempre se metendo em enrascada por não saber frear sua curiosidade. Volta e meia acaba perdendo grandes oportunidades por causa da bendita curiosidade.
A curiosidade é algo latente no ser humano, faz parte do seu desejo de descoberta, podendo ser boa ou ruim, dependendo da situação.  Mas, com certeza, sempre trará consequências para vida das pessoas.
Saber onde deposita essa curiosidade, ou conseguir definir quais são as prioridades de busca, é o que realmente farão diferença na vida dos indivíduos. O problema é que normalmente a sedução é mais forte do que o autocontrole, e por esse motivo alguns tem sucumbido mediante suas escolhas.
Por causa da curiosidade Eva comeu do fruto e perdeu o direito de viver no jardim. Por causa da curiosidade Sansão buscou conforto nos braços de Dalila. Por causa da curiosidade Davi ficou olhando para Bate-seba tomar banho. Todos, movidos pela curiosidade, acabaram caindo.
Em contra partida, por causa da curiosidade, do desejo de descoberta, muitos outros homens e mulheres conseguiram ampliar seu relacionamento com o Eterno. Outros alcançaram vitórias e conquistaram reinos.
Desse modo, é preciso tomar cuidado, porque a curiosidade pode levá-lo a lugares que você não gostaria de ir, ou pode trazer consequências devastadoras para vida daqueles que decidem ceder a suas investidas. 

Comentários

  1. Muitas vezes a curiosidade faz parte da vida, não fosse essa curiosidade de Moisés, olhar para a sarça que não se consumia, não teria subido ao Monte e lá ter avistado com o Senhor Jeová.

    Os pesquisadores são pessoas de curiosidade tamanha que em seus laboratórios descobrem remedios, e tantas outras descobertas em favor da humanidade.

    Tudo na medida certa.

    Abraços

    A Paz do Senhor

    José Eymard

    ResponderExcluir
  2. De qualquer forma, eu lí esse texto por curiosidade, ahah, muito bom e pertinente esse artigo, edificante, Deus o abençoe, paz.

    ResponderExcluir
  3. A ideia é justamente essa, que cada um aponte as curiosidades da vida que podem ser boas ou ruins. Ou que as pessoas entrem para ler apenas por curiosidade.

    ResponderExcluir
  4. Muito boa sua postagem!
    Que possamos ser curiosos para aprendermos mais de Deus e vigilantes com as coisas desta terra. A paz!
    http://miriam-azevedo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. A paz,quando a curiosidade e´aplicada nas coisas de DEUS,nos edifica mas quando aplicada na vida alheia pode nos levar ao fim que teve o gato tanto fisica como espiritualmente. ass.Claudio R.S. 29.11.2011

    ResponderExcluir
  6. Claudio, você tem razão. Por isso devemos nos preocupar sempre em estar buscando somente as coisas de Deus.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

APONTAR O DEDO É FÁCIL, DIFÍCIL É ESTENDER A MÃO

Troca de Valores

A Quebra de Princípios Gera Condenação