CUIDADO COM A SUTILEZA DA MENTIRA


Existe uma sutileza na mentira que muitas vezes a torna imperceptível aos homens. A tendência é que, com o tempo, ela se transforme em algo tão normal na vida das pessoas, passando a ser cometida “naturalmente”, sem qualquer complexo de culpa.
Em muitos casos, quando questionadas sobre a mentira praticada, as pessoas dizem nem perceber que determinado fato era uma mentira, elas achavam normal.
O problema é que mesmo as chamadas “mentirinhas” abrem uma brecha no mundo espiritual, dando a legalidade para atuação do pai da mentira na vida dos infratores.
Embora muitos não prestem atenção nesse fato, toda brecha é, uma prisão. Enquanto não houver arrependimento o indivíduo estará preso no mundo espiritual, sofrendo as consequências dos seus atos.
Muitas vezes, a pessoa não sabe por que determinadas coisas estão acontecendo na sua vida, ou na de seus familiares, pois não compreendem que a raiz do problema está na legalidade aberta através da mentira.
Aliás, a melhor forma de entender o problema da mentira é reconhecendo que ela se trata de uma legalidade no mundo espiritual, que dá livre acesso ao inimigo para atacar e atingir o transgressor.
Certa vez Jesus disse aos seus discípulos: “Vigiai e orai, para que não entreis em tentação;” (Mateus 26: 41). O senhor sabia que a única maneira de vencer as ciladas do inimigo era através de uma constante vigilância.
É claro que dentro do contexto essa palavra pode se estender a diversos problemas enfrentados na luta contra o inimigo, mas, diante dos desafios diários a qual somos submetidos, a melhor forma de vencer o pecado da mentira é vigiando e orando.
Dentre outras coisas, vigiar aponta para uma constante atenção, identificando os pontos de fragilidade da sua alma. E orar indica uma completa rendição dos seus desejos à vontade de Deus, subjugando sua carne à vontade Espírito Santo de Deus.
Uma vida espiritual saudável começa na honestidade de propósito e na luta constante para vencer os pequenos desafios levantados pelo adversário. Um deles é a constante tentação, e inclinação da alma humana, para a mentira.
Vencer a mentira é uma atitude individual e indica a disponibilidade do homem em sacrificar seus desejos, em prol de fazer somente à vontade do Senhor. Porém, é uma escolha sábia, tendo como recompensa a benção de Deus.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

APONTAR O DEDO É FÁCIL, DIFÍCIL É ESTENDER A MÃO

Troca de Valores

A Quebra de Princípios Gera Condenação