Ferramentas Divinas

Os dons são instrumentos dados pelo Senhor para o cumprimento de uma missão. Eles não são ferramentas para autopromoção, engrandecimento, etc. Os talentos devem ser utilizados para a árdua tarefa de evangelização. Eles são uma ferramenta importante no processo de pregar o evangelho do Reino.
Esse é um dos motivos pelo qual cada indivíduo na face da terra tenha recebido um do singular, pessoal e instransferível. Ninguém realiza determinada tarefa como o outro. É possível que existam pessoas com habilidades iguais, mas a forma de utilizá-las sempre será única.
Entretanto, torna-se exencial que cada pessoa tenha a consciência dos seus dons para o avanço do evangelho. O interessante, é que cada um tem uma área de atuação diferente, atingindo pessoas distintas e operando em situações singulares.
Essa diversidade e singularidade é a manifestação da multiforme sabedoria de Deus em ação. Da mesma maneira que Ele opera de diversas formas, também tem sua maneira peculiar de agir. Sendo assim, Ele unge e capacita pessoas de todos os tipos, para alcançar a todos os homens.
Nesse contexto, embora os homens pensem totalmente diferente, não existem melhores ou piores. O que existe são servos do Deus Altíssimo, engajados em uma única missão, a de pregar o evangelho a toda a criatura.

Todos nós somos apenas ferramentas que o Eterno utiliza para pintar nos corações dos perdidos a grande obra da salvação, efetuada por Jesus, através de sua morte vicária na cruz do calvário. Sendo assim, fica a reflexão: QUAL O VALOR DE UM PINCEL SEM O SEU PINTOR?

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

APONTAR O DEDO É FÁCIL, DIFÍCIL É ESTENDER A MÃO

Troca de Valores

A Quebra de Princípios Gera Condenação