(IN) FLEXIBILIDADE FAZ TODA A DIFERENÇA

Jesus foi a pessoa mais flexível que já passou por esse mundo. Em meio a uma sociedade onde tudo era errado e sinônimo de punição, Ele manifestou a maravilhosa graça de Deus, trazendo reconciliação, cura e libertação. Por causa de suas atitudes o mundo nunca mais foi o mesmo.

Grandes líderes, excelentes pais, cônjuges maravilhosos, funcionários surpreendentes só surgem quando passam a agir com flexibilidade. Aliás, diga-se de passagem, essa tal flexibilidade nada mais é do que a manifestação da graça. Se não, vejamos:

Jesus está passando por Samaria, senta-se na beira de um poço e começa a conversar com uma mulher. Em poucos minutos a vida dela muda. O que Ele fez? Simplesmente manifestou a graça. Um cego, rejeitado pela sociedade, clama por socorro e, enquanto todos o mandam se calar, o Mestre para e lhe restaura mais do que a visão, mas também a dignidade.

Essas são apenas duas histórias, poderíamos citar centenas onde Jesus operou poderosamente o maior de todos os milagres, conceder graça aos necessitados. Quando falamos de flexibilidade podemos estar utilizando um termo novo, mais que sempre foi usado por Deus para alcançar o homem.

A flexibilidade promove aceitação, respeito, reconciliação... Pessoas inflexíveis podem até ser respeitadas por causa do medo e da intransigência, mas as flexíveis têm o poder de tocar os corações, quebrar as amarras do medo e levar os outros a níveis de crescimento incalculáveis.

Foi o que aconteceu com o apóstolo Pedro. Depois de um final de semana conturbado, a culpa por negar a Jesus parecia interminável. Porém, o Mestre, após ressuscitar, nos dá mais uma grande lição sobre a flexibilidade (graça). Envia um convite a Pedro para estar na próxima reunião de liderança.

Fico imaginando aquele homem com sentimento de culpa avassalador, cabisbaixo, sentado no canto, isolado dos demais e pensando no sermão que irá ouvir quando Jesus aparecer. Para surpresa de todos, quando o Mestre entra, olha nos olhos de Pedro e o ama incondicionalmente, dá um abraço e por fim uma missão.


Concorde você ou não, a graça está acima dos fracassos humanos. Ser flexível é saber aceitar as pessoas como elas são; com seus erros e acertos; pontos fortes e fracos. Isso não significa compactuar com o erro, mas dar uma oportunidade para que o outro acerte o passo.

Pense sobre isto!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

APONTAR O DEDO É FÁCIL, DIFÍCIL É ESTENDER A MÃO

Troca de Valores

A Quebra de Princípios Gera Condenação